Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
destaque home

A Reforma fará com que mesmo trabalhando mais, os servidores ganhem menos

Como você já sabe, a Reforma da Previdência irá tirar seus anos de aposentadoria e fazer com que você trabalhe muito mais para ter acesso a 100% do benefício.

No entanto, mesmo continuando na ativa por um tempo extra, a totalidade da sua aposentadoria após as mudanças não será a mesma do modelo atual. Os valores serão muito mais baixos.

Uma mudança drástica cairá sobre os valores recebidos. Os vencimentos não irão considerar apenas os 80% maiores salários, como acontece hoje. Serão calculados sobre 100% das contribuições. Como as carreiras começam com salários menores, que vão aumentando conforme as progressões, os valores finais serão puxados para baixo.

Esse movimento será intensificado pelo sistema de capitalização, que, por natureza, oferece rendimentos finais mais baixos do que o modelo de repartição – que é usado atualmente.

Isso porque o valor do benefício dependerá de fatores externos às contribuições, como as flutuações de juros, correções monetárias, possíveis crises econômicas e as aplicações feitas pela administradora que está gerindo o fundo – que podem ser desastrosas e fazer o servidor perder dinheiro. O que muda para você: a inevitável redução da aposentadoria.

#NovaPrevidênciaÉNovoRetrocesso

Compartilhe
1
Receba mais notícias por WhatsApp
Powered by