Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Aposentados

Ainda sem pagamento, servidores do Rio veem promessas de regularização se empilharem

Somente em entrevista à CBN, o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, deu três prazos diferentes. No entanto, nenhum deles foi cumprido.

Nesta quarta-feira, venceu mais um dos vários prazos dados pelo governador do Rio, Luiz Fernando Pezão para regularizar o pagamento de servidores. São meses de promessas enquanto o servidor aguarda o desfecho das negociações. Em entrevista à CBN um dia depois da homologação do acordo de recuperação fiscal, em setembro, Pezão havia dito que, com o alívio de mais R$ 60 bilhões, o estado iria priorizar o pagamento da folha, quitar o 13º de 2016 e ainda dar previsibilidade aos servidores do Rio.

‘O dinheiro é todo ele para pagar o funcionalismo, para folha de pagamento. Então, tem salário e 13º. Conseguimos colocar a folha, vamos colocar o 13º de 2016 em dia e dar previsibilidade para o funcionalismo público, que tanto sofreu com esses atrasos, e ele vai poder ter a data certa do seu pagamento. ’

No dia 9 de outubro, em entrevista ao CBN Rio, o governador confirmou a redução do valor do empréstimo, que antes era de R$ 3,5 bilhões. Pezão disse ainda que pretendia regularizar o pagamento dos servidores até o início do novembro, com o dinheiro do empréstimo e o aumento da receita.

‘Junto com o crescimento da receita que vem ocorrendo, eu acredito que outubro, novembro e dezembro, se nós mantivermos o mesmo ritmo, a gente vai continuar com os salários em dia até o final do governo. ’

Já no dia 2 de novembro, um dia após o pregão que definiu o banco que vai operar o empréstimo, o governador voltou a dar uma entrevista para o CBN Rio, em que a expectativa era de que o pagamento dos servidores fosse regularizado até o fim de novembro.

‘Eu trabalho com 15 a 20 dias para a gente vencer toda essa burocracia. Eu quero fazer num prazo mais rápido ainda. Eu quero muito chegar ao fim de novembro com tudo isso resolvido e salário em dia. ’

Ainda este mês, Pezão disse que a previsão era de que o 13º de que o décimo terceiro de 2016 seja quitado até o fim do mês. No dia 16 de novembro, o governador do Rio comprometeu a pagar os salários atrasados dos servidores estaduais até dia 27.

Desta vez, sem prometer datas, Pezão se limitou a dizer que falta pouco para União homologar o empréstimo de R$ 2,9 bilhões que o estado. Ele esteve em Brasília e se encontrou com o presidente Michel Temer. Ele disse que houve avanços sobre o assunto e que faltam apenas alguns itens do contrato final para serem resolvidos pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional.

Pezão já retornou ao Rio, mas equipes da Secretaria estadual de Fazenda e da Procuradoria Geral do Estado seguem em reuniões com o Tesouro Nacional. O governo do Rio contraiu o empréstimo com o banco no dia 1º de novembro, após oferecer como garantia as ações da Companhia de Águas e Esgotos, a Cedae. Mas, para receber o dinheiro da União, o acordo precisa ser homologado e publicado no Diário Oficial.

FONTE: http://cbn.globoradio.globo.com/media/audio/141321/ainda-sem-pagamento-servidores-do-rio-veem-promess.htm

Compartilhe