Skip to content

SIND-JUSTIÇA INGRESSA NO CNJ PARA SUSPENDER TRABALHO PRESENCIAL

Durante esta semana, envidamos todos os esforços no sentido de mostrar à Administração a necessidade de suspender o trabalho presencial, tendo em vista a gravidade da situação em todo o Estado. Sempre acreditamos que o diálogo e o bom senso devem prevalecer, principalmente diante de situações que envolvem a vida e a saúde das pessoas.

Infelizmente, o Tribunal encaminhou aos magistrados, há pouco, o Aviso Conjunto TJ/CGJ 06/2021, determinando o cumprimento do artigo 15 do Ato Normativo Conjunto 25/2020, que prevê a manutenção do atendimento presencial e a continuidade de 50% dos servidores trabalhando presencialmente.

Lamentavelmente, isso é um grande erro da Administração, que não leva em conta o quadro caótico que vive o estado do Rio e não observa a absoluta desnecessidade do trabalho presencial neste momento, já que o trabalho em home office bate sucessivos recordes de produtividade.

Porém, o mais grave é vislumbrarmos que não está havendo o devido cuidado com a vida dos servidores e isso não se pode admitir. Os magistrados, com raríssimas exceções, estão em suas casas, trabalhando à distância e protegidos. Os servidores estão expostos quando são obrigados a pegar conduções, freqüentar o local de trabalho e agora ainda mais expostos com esta ideia de transformar fóruns em locais de vacinação com os servidores presentes.

Hoje, passamos o dia tentando vagas para colegas que estão intubados. E agora, no final do dia, tomamos conhecimento de mais uma colega, secretária de magistrado, que foi internada em estado grave. O quadro é muito preocupante. Não há nenhum motivo para manter os servidores em trabalho presencial neste contexto.

Estamos preparando uma ação para ingressarmos com urgência no CNJ visando a suspensão da utilização dos fóruns como locais de vacinação e a suspensão imediata do trabalho presencial, como já fizeram o próprio CNJ, o STF, o STJ e todos os demais Tribunais que tiveram como princípio maior a proteção da vida e o cuidado com os seus servidores.

Manteremos a categoria informada.

SIND-JUSTIÇA

DIREÇÃO GERAL

Alzimar Andrade

André Parkinson

Magali Monteiro

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Veja Também

Outras Postagens

INFORMAÇÕES SOBRE A COVID-19

Pedimos a todos os servidores que encaminhem ao Sindicato, com a máxima urgência, os nomes dos trabalhadores do Fórum que tenham contraído a Covid, com

NOTA DE PESAR

Com pesar, comunicamos o falecimento de mais um colega da Comarca de Sumidouro, vítima da Covid. Pedro Álvaro Gomes de Oliveira era Técnico de Atividade

X