Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
destaque home

O TJRJ aparece, mas o serventuário não cresce. Hora de mudar o jogo!

Reajuste salarial já aprovado, mas que nunca chega.

Perdas acumuladas não corrigidas.

Pelo décimo ano, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) é eleito o mais produtivo do país, em grande medida graças ao trabalho dos serventuários. Enquanto isso, há meia década eles permanecem com direitos estagnados.

São tantos embates que o servidor do TJRJ enfrenta que só restaram uma saída: fazer uma mobilização proporcional às conquistas desejadas.

O Sindjustiça-RJ escolheu a luta pelo avanço dos direitos da categoria.

Para movimentar a base e a sociedade, na próxima terça-feira (10) terá início uma forte campanha pela reposição salarial e por outros direitos dos serventuários. Nela, serão reivindicados:

– O recebimento do reajuste já aprovado de 5%, mas pendente no Supremo Tribunal Federal (STF).

– A correção do valor das perdas acumuladas, atualmente em 37%.

– A exposição dos perigos da Reforma Administrativa, proposta pelo Governo Federal e que poderá ter reflexos no plano estadual.

– O fim do assédio moral.

– A valorização do serventuário do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro – o mais produtivo do país.

Sucesso depende da ação coletiva

A campanha será trabalhada em conjunto. O papel dos servidores é espalhar a realidade pela qual passa a categoria. Para isso, é importante que todos compartilhem as peças da campanha em suas redes sociais: Facebook, Instagram, WhatsApp e outras.

Participação

Em paralelo, teremos a ação “O TJRJ aparece, mas o serventuário não cresce”. Para participar é só:

  1. Baixar o cartaz da campanha, disponível em formato A4 aqui: link
  2. Imprimir;
  3. Enviar sua foto segurando o cartaz para: link

Vamos mostrar a insatisfação da nossa categoria. Publicaremos as fotos enviadas em nossas redes sociais e, em peso, faremos maior pressão para conquistar aquilo que é nosso.

Enquanto o servidor dá o melhor de si e constrói o tribunal mais produtivo do país, seus direitos lhes são negados há anos. Essa injustiça não pode mais permanecer entre nós.

Serventuário, vamos à luta.

Nossas conquistas serão do tamanho de nossa mobilização

Fonte: Sindjustiça-RJ

Compartilhe
1
Receba mais notícias por WhatsApp
Powered by