Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

PAGAMENTO SAIRÁ HOJE / LIMINAR NÃO APRECIADA(01h57min)

A informação é oficial. Está disponível no saite do governo do estado:”Servidores que ganham acima de R$ 950, que fazem parte do terceiro e último grupo da folha de pagamentos do Poder Executivo, poderão sacar os salários nesta quarta-feira nos caixas eletrônicos do Itaú. O governador Sérgio Cabral, que pediu à Secretaria de Fazenda urgência no levantamento dos recursos necessários ao cumprimento do calendário deste grupo, confirmou o pagamento no final da tarde de hoje.
Fazem parte desta folha, ativos e inativos da administração direta e indireta do governo do estado, totalizando cerca de 220 mil matrículas. O primeiro grupo de servidores, com salários até R$ 500, e o segundo grupo, com vencimentos entre R$ 501 e R$ 950, receberam os salários nos dias 8 e 9, respectivamente”.(informado à meia noite pela diretora Amanda)

FONTES GARANTIAM O PAGAMENTO

Apesar de já termos buscado e até obtido a confirmação de que o pagamento será realizado hoje, não podíamos noticiar o fato. As diversas fontes não eram oficiais, embora confiáveis. Reunida ontem até as 22h, a diretoria combinou verificar os fatos antes de chamar os servidores para uma paralisação hoje. O diretor Wilson Dufles ficou de plantão para verificar, via internte, após a meia noite, se o depósito do nosso salário seria realizado logo nas primira horas de hoje. O depósito ainda não tinha sido feito. Buscaremos a confirmação do depósito dos nossos salários antes de cumprirmos a nossa outra obrigação que é chamar a categoria para uma paralisação.

Já se perguntava se a falta de dinheiro era real ou prematura propaganda eleitoral. Deveríamos dizer: oh! O super Cabral nos salvou?

MANDADO DE SEGURANÇA

A liminar do mandado de segurança, n.º 2007.004.00090, impetrado pelo Sind-Justiça não foi apreciada ontem, como desejávamos.

Plantão encerrado. O Sind-Justiça ,sempre agindo, mas sempre com muita responsabilidade, pede para dormir (até as 6 da manhã).

Compartilhe