Skip to content

COMANDO-GERAL EXPULSA 13 BOMBEIROS ENVOLVIDOS EM GREVE NO RJ

O CBMERJ (Comando-geral do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro) informou na tarde desta segunda-feira (12/3) que vai expulsar 13 bombeiros envolvidos no movimento grevista em fevereiro deste ano. Entre eles está o cabo Benevenuto Daciolo, apontado como um dos líderes da greve.

Em nota, o Corpo de Bombeiros informou que, após análise dos relatórios do Conselho de Disciplina, os 13 foram considerados “culpados por articulação em manifestações de caráter político-partidário, nas quais incitaram ostensivamente a tropa à prática de ilícitos de natureza disciplinar e penal militar, além da adoção de conduta incompatível com a missão de bombeiro-militar”.

O grupo havia sido considerado culpado pelo Conselho Disciplinar da corporação, que não tem poderes para decidir punições. Daciolo informou que irá consultar advogados para recorrer, na Justiça, da decisão do comandante dos bombeiros.

Em fevereiro, eles chegaram a ficar presos em Bangu 1, no Complexo de Gericinó, zona oeste do Rio. O grupo foi o primeiro a ter punição definida após decreto do governador Sérgio Cabral, de 10 de fevereiro — data do início da greve —, reduzindo pela metade os prazos para a conclusão das investigações dos conselhos disciplinares do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar. (informações da Agência Folha)

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Veja Também

Outras Notícias

NOTA DE PESAR

Com enorme tristeza, comunicamos o falecimento do colega Manoel Virginio Silvestre, ocorrido no dia 04/06/2024. Manoel era Analista Judiciário e cumpriu sua carreira nas Comarcas