Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

COMEÇA A MUDANÇA DE CONTA PARA FUNCIONALISMO DO ESTADO

É hora de servidores estaduais reunirem documentos e se apresentarem a uma das unidades montadas pelo Bradesco para formalizar a abertura de contas que vão receber salários do funcionalismo, a partir de janeiro de 2012. A instituição financeira terá o direito de operar, por três anos, a folha de pagamento dos 460 mil servidores ativos, inativos e pensionistas.

Os dois últimos grupos terão prioridade no atendimento. A convocação será por ordem alfabética. É necessário apresentar originais de carteira de identidade, CPF e conta de consumo. Cópias serão tiradas no local.

Para saber o local, a data e o horário de atendimento, basta acessar os sites www.bradesco.com.br, www.mudancadeconta.rj.gov.br ou www.rioprevidencia.rj.gov.br. A outra opção é ligar para o telefone 0800-8820202. Em todos os casos, é necessário informar o CPF.

Vale lembrar que, para garantir o recebimento do salário, o servidor deverá abrir a conta no Bradesco. O banco indicou os lugares mais próximos à residência do aposentado e pensionista e os municípios ou bairros perto dos locais de trabalho dos ativos.

Os novos clientes serão atendidos de acordo com os perfis das contas. Quando chegarem ao posto, vão passar por uma triagem para checar se estão com todos os documentos. A partir da data de abertura, será possível movimentar a conta, mas haverá isenção de tarifa até o depósito do primeiro salário.

Até dezembro de 2011, o salário do servidor será creditado no banco Itaú. A partir de janeiro de 2012, o vencimento será depositado no Bradesco. Como o servidor recém-contratado não consta na base de dados já informada pelo estado, a recomendação é que a pessoa que tomou posse procure uma agência do Bradesco de sua conveniência, munida da carta de apresentação fornecida pelo RH do órgão em que atua, juntamente com originais de documento de identidade, CPF e comprovante de residência. (com informações de O Dia Online)

Compartilhe