Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

ECONOMIA BRASILEIRA PARALISA NO 3º TRIMESTRE

A economia brasileira se manteve estagnada no terceiro trimestre deste ano, em comparação com os três meses anteriores. O consumo das famílias apresentou a primeira queda em quase três anos, com (-0,1%). Os dados foram divulgados nesta terça-feira (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O setor de agropecuária foi o único a registrar crescimento, de 3,2%. Quedas foram apuradas nos setores de indústria (-0,9%), de serviços (-0,3%), no consumo do governo (-0,7%) e nos investimentos (-0,2%).

O Produto Interno Bruto (PIB) — soma de todas as riquezas do país —ficou em R$ 1,05 trilhão de julho a setembro. Porém, os dados atuais demonstram que nos últimos doze meses, o PIB brasileiro cresceu 3,7%. No acumulado de 2011 a alta é de 3,2%.

A estagnação da economia neste período já era reconhecida pelo Ministério da Fazenda. A previsão de crescimento do PIB deste ano caiu de 4,5% para 3,8%, em função da crise econômica apontada no cenário externo.

Para conter a desaceleração interna da economia, o governo anunciou na última semana um pacote de medidas para incentivar o consumo, com diminuição de impostos para eletrodomésticos e aplicações financeiras. (informações do Brasil de Fato)

Compartilhe