Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

REDE MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DO RIO DECIDE FAZER NOVA PARALISAÇÃO NO DIA 16 DE SETEMBRO

Os profissionais das escolas municipais do Rio de Janeiro pararam nesta quinta-feira, dia 26 de agosto, para protestar contra a reforma da Previdência contida no Projeto de Lei nº 41/2010, de autoria do prefeito Eduardo Paes, que retira diversos direitos dos servidores. O Sepe estima que 60% das escolas paralisaram as atividades e que mais de 500 profissionais marcaram sua presença no ato.

A categoria também realizou no início da tarde um ato público em frente à Câmara de Vereadores, na Cinelândia, com a presença de centenas de servidores. Juntamente com o ato, representantes da categoria percorreram os gabinetes dos vereadores e entregaram para estes um documento exigindo que o PL não seja aprovado.

Depois do ato, a categoria realizou uma assembleia geral na ABI, que decidiu que a educação municipal fará uma nova paralisação de 24 horas no dia 16 de setembro, em conjunto com os profissionais das escolas estaduais. Também foi aprovada a participação na Marcha Em Defesa da Educação Pública e de Qualidade, que sairá da Candelária às 11h, além de nova assembleia às 15h. (com informações do Sepe-RJ)

Compartilhe