Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

Renegociação das dívidas dos estados pode ser votada nesta segunda

Relatório do deputado Pedro Paulo foi lido na última quarta-feira

BRASÍLIA – O projeto de renegociação das dívidas dos estados pode ser votado nesta segunda-feira, caso haja quórum. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse a interlocutores que está disposto a pautar a matéria na sessão desta segunda e liquidar de vez o assunto, que já se prolonga há várias semanas.
O relatório do deputado Pedro Paulo (PMDB-RJ) foi lido na quarta-feira passada, mas o texto não chegou a ser votado. Temendo uma derrota, o presidente da Casa adiou a votação. Na semana passada, o governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, afirmou que espera que a Câmara vote na terça-feira o projeto que prevê o socorro financeiro aos estados.
Maia tem afirmado não acreditar que demorar alguns dias a mais para votar o projeto resulte em mais apoios. O presidente Michel Temer conversou com ele sobre a matéria na manhã desta segunda, quando se encontraram, e está acompanhando.
O texto prevê a suspensão, por três anos, da dívida dos estados que aderirem. Por outro lado, esses entes da federação devem adotar um rigoroso programa de recuperação fiscal, como a elevação de alíquotas da contribuição social de servidores, o congelamento de gastos com pessoal, a suspensão de concursos e a redução de incentivos tributários.
Pedro Paulo incluiu algumas mudanças no texto que veio do governo, por exemplo a redução de 20% para 10% ao ano o percentual de renúncias tributárias exigidas. O projeto também proíbe gastos com publicidade durante o período de recuperação, mas o relator listou algumas exceções
Pezão esteve em Brasília na quarta para acompanhar as discussões e conversar com parlamentares. A proposta deveria ter sido votada na quarta-feira da semana anterior, mas a prisão de cinco conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ) e a condução coercitiva do presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Jorge Picciani, tornaram o clima político inviável para a votação.

FONTE:
http://oglobo.globo.com/rio/renegociacao-das-dividas-dos-estados-pode-ser-votada-nesta-segunda-21188036

Compartilhe