Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

Rio soma dívida de R$ 2,4 bi sobre salários; outubro e 13º de 2016 serão pagos até quarta

Os servidores do Estado ainda aguardam pagamentos devidos pelo governo do Rio. A tendência é que até quarta-feira, sejam pagos os salários de outubro e o 13º de 2016 para aqueles que não receberam esses proventos. Somadas, as duas folhas custarão R$ 1.776,7 bilhão. O governador Luiz Fernando Pezão prometeu, também, pagar parte do que restar do mês de novembro antes do final de 2017.
Os depósitos serão possíveis graças a assinatura da operação de crédito de R$ 2,9 bilhões, na última sexta-feira. A tendência é que parte do dinheiro, cerca de R$ 2 bilhões, sejam transferidos até terça. O problema é que a dívida total do Estado, somadas as folhas de outubro, novembro, o 13º de 2016 e bonificações somam R$ 2,4 bilhões.
— Nosso esforço era para resolver as pendências este ano, mas receberemos menos do que estava previsto. Inicialmente, a operação era de R$ 3,5 bilhões. O Tesouro Nacional aprovou menos, R$ 2,9 bilhões. E a gente tem agora R$ 2 bilhões. Os R$ 900 milhões têm previsão para sair em 60 dias. Estamos negociando para sair ainda em janeiro — explicou o governador
Desta forma, o Estado não irá cumprir a promessa de iniciar 2018 com os salários mensais em dia. O Rio vai começar o próximo ano devendo parte da folha de novembro, além do 13º salário de 2017. Segundo Pezão, esse proventos podem ser quitados até fevereiro. O Estado terá de realizar uma nova operação de crédito, de 500 milhões de dólares, para quitar todas as folhas.

FONTE: https://extra.globo.com/emprego/servidor-publico/rio-soma-divida-de-24-bi-sobre-salarios-outubro-13-de-2016-serao-pagos-ate-quarta-22199556.html

Compartilhe