Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

Servidores da Justiça mantêm greve por tempo indeterminado

Categoria reivindica ajuste salarial, plano de carreira e salários atrasados

04/11/2016 07:20:09 – Atualizado em 04/11/2016 07:20

A Greve dos servidores da Justiça do Rio de Janeiro completa duas semanas e nada de concreto foi decidido ainda. A iniciativa de greve foi tomada após o descumprimento de acordo firmado entre o Tribunal de Justiça e os servidores.
Segundo o delegado sindical da Comarca de Volta Redonda, Tony Vieitas, os servidores alegam estar há dois anos sem qualquer reajuste salarial. “O comando da greve exige a garantia de 24% de aumento para todos os servidores, promoção e progressividade de cargos e salários, além de 5% de reposição salarial para o ano de 2016. Além disso, os servidores aposentados ainda não receberam o salário de outubro”, descreve Tony. Ele adianta que na próxima segunda haverá uma votação para saber dos rumos da paralisação.
O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Rio de Janeiro (SindJustiça) afirma que mais de 1 milhão de casos estão acumulados desde o início da paralisação, em 19 de outubro. Com apenas 30% do efetivo trabalhando, a categoria está atendendo apenas os casos considerados de emergência, como liminares de pensões alimentícias, busca e apreensão de menores, liberação de verba para compra de remédios e alvarás de soltura.

FONTE: http://avozdacidade.com/site/noticias/economia/54976/

Compartilhe