Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

TERCEIRA IDADE DETÉM 17% DO PODER DE COMPRA

Há menos de 10 anos, os bancos se recusavam ou criavam muitos impedimentos na hora de conceder empréstimo para maiores de 60 anos. Hoje, a terceira idade tem papel importante na economia do País. Só em julho, os bancos conveniados ao INSS somaram R$ 2,3 bilhões em 809.211 operações de empréstimo consignado para aposentados e pensionistas.

É só uma demonstração da força desse grupo que, segundo o instituto alemão GfK, movimenta R$ 13 bilhões ao ano — 17% do poder de compra no País. Eles não ficam mais só no mercado de shows, espetáculos e bailinhos dançantes. Idosos estão nas academias de ginástica, nas universidades e ocupam local de destaque no segmento de estética.

A montadora Fiat contabiliza que 12% dos compradores de seus carros têm mais de 50 anos. A estimativa é a de atingir 20% em 2020. No Turismo, o programa oficial ‘Viaja Mais, Melhor Idade’ registrou que 500 mil já fizeram viagens pelo sistema, que começou com destinos em baixa temporada e um ano para financiar. Hoje, tem roteiros internacionais e até três anos para parcelar.

Eles não só gastam como fazem dinheiro. A Associação Brasileira de Franchising do Rio (ABF Rio) detectou que um em cada cinco franqueados tem mais de 60 anos ou é aposentado. Ao entrar para a inatividade, idosos aplicam suas economias ou verbas de aposentadoria na abertura de negócios. Assim, a ABF-Rio criou o Programa Produtiva Idade, para cadastrar idosos e convidá-los para palestras e atividades gratuitas didáticas. (informações de O Dia Online)

Compartilhe