Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

CABRAL ATACA O PLANO DE CARREIRA DA EDUCAÇÃO E SEPE CONVOCA CATEGORIA PARA VIGÍLIA NA ALERJ

Os profissionais de educação da rede estadual fazem uma vigília hoje (19/08) em frente à Assembleia Legislativa (Alerj), a partir das 13h, em defesa do plano de carreira da categoria. O governo do estado anunciou na imprensa o envio do projeto de lei que incorpora as gratificações do programa Nova Escola para 165 mil servidores da educação. No entanto, o projeto vai mexer no plano de carreira vigente desde 2002, diminuindo a diferença entre os níveis da carreira dos atuais 12% (percentual pago em cima do salário a cada mudança de nível, que ocorre de cinco em cinco anos) para 7,5%.

A categoria não vai permitir que isto aconteça e que o governador acabe com um direito conquistado após anos de luta apenas para conceder um benefício parcelado em seis vezes e que só estará incorporado integralmente em 2015 — ou seja, já em outro mandato. A mobilização da categoria poderá até mesmo levar a paralisações prolongadas, já que os profissionais estão revoltados com o achatamento salarial que a mudança do plano de carreira vai gerar.

Marcado pela sua falta de palavra e compromisso para com os profissionais da rede estadual, o governador Sérgio Cabral tem marcado a sua administração por meio de promessas que nunca se cumpriram. Em carta enviada no período eleitoral para todos os profissionais da rede, ele dizia que iria incorporar o Nova Escola ao piso salarial, sem prejuízo dos direitos dos profissionais de educação; repor as perdas salariais dos últimos 10 anos. Manter o atual plano de carreira, com inclusão dos professores de 40 horas; acabar com a política de abonos, entre outras coisas. Pouco ou nada foi cumprido. (informações do Sepe-RJ)

Compartilhe