Skip to content

Picciani é levado a depor coercitivamente na Operação Quinto do Ouro na Polícia Federal e servidores comemoram.

No dia 29 de março, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Jorge Picciani, foi levado a depor em condução coercitiva, na operação da Polícia Federal “O Quinto do Ouro”, por ser suspeito de organizar o pagamento de propinas a conselheiros do Tribunal de Contas do Estado.

Enquanto Picciani prestava depoimento na Superintendência da Polícia Federal no Centro do Rio, em um protesto organizado pelo Sind-Justiça em frente à Alerj, servidores lançaram fogos de artifício e distribuíram pedaços de bolo aos transeuntes em comemoração pela investigação do presidente da Alerj e a prisão dos demais envolvidos.

Confira a cobertura e a entrevista do Diretor-Geral do Sind-Justiça, Ramon Carrera, ao SBT Rio: https://www.youtube.com/watch?v=Okpa_yfAK6w&feature=youtu.be

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Veja Também

Outras Notícias

NOTA DE PESAR

Com enorme tristeza, comunicamos o falecimento de Maria Auxiliadora Rio Doce. Maria trabalhava como escrevente juramentada no 18º oficio de notas. O velório será neste

NOTA DE PESAR

Com enorme tristeza, comunicamos o falecimento da nossa colega Mônica Vasconcellos Santos, que era lotada na comarca de Niterói. O velório e o sepultamento serão

SIND FOLIA

Nesta quarta, dia 7, acontecerá o tradicional SIND FOLIA, festa de carnaval dos nossos aposentados e pensionistas. O evento será realizado no auditório do Sind-Justiça,