Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

REGIÃO SERRANA TEM 469 DESAPARECIDOS, ALÉM DOS MAIS DE 800 MORTOS

A região serrana fluminense registra 469 pessoas desaparecidas desde as chuvas do dia 12 de janeiro. Segundo lista divulgada ontem (23), pelo Ministério Público Estadual, Nova Friburgo, com 191 desaparecidos, e Teresópolis, com 180, são as cidades com maior número de registros de desaparecimentos.

Em Petrópolis, há 48 desaparecidos. O município de Cordeiro, que não registrou nenhuma morte até o momento, aparece na lista com um desaparecido. Sumidouro registra quatro pessoas desaparecidas, São José do Vale do Rio Preto, duas, e Bom Jardim, uma.
Segundo o Ministério Público, também há 42 pessoas desaparecidas sem que tenha sido informado o local de origem.

O número de mortes nos municípios da serra fluminense por causa das fortes chuvas que atingiram a região há 12 dias já chega a 808, segundo balanço divulgado pela Secretaria estadual de Saúde e Defesa Civil.

De acordo com os dados, até o fim da tarde de domingo (23) foram contabilizadas 390 mortes em Friburgo, 327 em Teresópolis, 66 em Petrópolis, 22 em Sumidouro, duas em São José do Vale do Rio Preto e uma em Bom Jardim. (informações da Agência Brasil)

Compartilhe