Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
Notícias Sindicais

Sindjustiça-RJ se reúne com presidente da Alerj para debater a derrubada do veto ao reajuste de 5%

O Sindjustiça-RJ se reuniu ontem (26) com o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), deputado André Ceciliano (PT), para debater o veto do governador, Luiz Fernando Pezão (MDB), à reposição salarial de 5% para a categoria. O encontro marcou a retomada das negociações com os parlamentares.

A Alerj retorna do recesso em 1º de agosto e a expectativa é pautar a derrubada do veto até o final do mês, para que o reajuste seja definitivamente aprovado.

Além de diretores do sindicato e do presidente da casa, também estiveram presentes o presidente da Associação dos Servidores do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (Assemperj), Flávio Sueth, e o presidente da Associação dos Servidores da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (Asdperj), Gustavo Belmonte.

A articulação conjunta das entidades tem o objetivo de unificar a luta e fortalecer ainda mais a mobilização, já que o veto atinge também essas categorias.

Além da negociação

As negociações com deputados estaduais e representantes do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) serão encaradas como prioridade para a diretoria nas próximas semanas. No entanto, há um elemento que será fundamental para reverter o veto: a força da mobilização de todos os serventuários do estado.

Durante o mês de agosto, os servidores serão convocados para manifestações. A participação de toda a categoria será decisiva!

De acordo com o diretor-geral do Sindjustiça-RJ Tony Vieitas, o engajamento dos serventuários teve um peso crucial para o resultado positivo na votação anterior, e terá uma importância ainda maior dessa vez.

“Tomaremos as escadarias da Alerj quantas vezes for necessário para lutar por esse direito. Precisamos que todos fiquem atentos às chamadas do sindicato e façam um trabalho de conscientização, conversando com os colegas sobre a importância do engajamento nessa nossa mobilização. Não fugiremos da luta!”, afirma Tony.

Todas as convocações para atos e manifestações serão veiculadas nos veículos de comunicação do Sindjustiça-RJ. Para receber as chamadas em primeira mão, curta a página da entidade no Facebook e se cadastre na lista de transmissão de notícias do WhatsApp.

Fonte: Sindjustiça-RJ

Compartilhe