Filiado à FENAJUD, DIEESE e DIAP
Sindicato dos Servidores
do Poder Judiciário do Rio de Janeiro
destaque home

[Vida de Justiça] A psicóloga que enfrenta a violência doméstica e familiar contra a mulher para salvar vidas

O quarto episódio da série Vida de Justiça já está no ar! Hoje, você conhecerá a história da psicóloga Marcia Valéria Guinancio da Mota, serventuária do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ).

Dos quinze anos trabalhando no TJRJ, oito são dedicados ao Juizado da Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher – uma equipe multidisciplinar, formada por psicólogas e assistentes sociais.

Entre orientar, prevenir e refletir sobre situações de violência, a serventuária desconstrói a masculinidade tóxica que diariamente afeta homens, mulheres e crianças no Rio de Janeiro.

Apesar do importante trabalho, a psicóloga não se sente valorizada. Há cinco anos sem reajuste salarial, tem dificuldades para se aprimorar e se atualizar profissionalmente, e ainda cuidar da educação familiar, por exemplo.

As diferenças salariais entre colegas da mesma área e mesmo período de atuação também a incomodam. Apesar disso, ela continua cumprindo sua função com excelência e salvando vidas e segue na luta por seus direitos e de todos os demais serventuários.

Assista, abaixo, o episódio com Marcia Valéria para a série Vida de Justiça:

Compartilhe essa história e ajude a categoria a ser mais valorizada.

Fonte: Sindjustiça

Compartilhe
1
Receba mais notícias por WhatsApp
Powered by